8 dicas para fazer sua empresa aparecer no Google


Rodolfo Benetti

Por   

 08/03/2022 

Profissional com mais de 12 anos de experiência, responsável pelas estratégias de marketing dos clientes da Orgânica.

Olá! Aqui é o Rodolfo e, assim como eu e você, muitas pessoas usam sites de busca na hora de procurar informações sobre algum produto ou serviço que têm interesse. Certo?

Dentre os buscadores da atualidade, o que mais se destaca pelo volume de uso e pela qualidade dos resultados é o Google — e, não por coincidência, aparecer com destaque nos resultados é algo cada vez mais desejado pelas empresas hoje.

Pensando nisso, reuni abaixo 8 dicas para fazer sua empresa aparecer no Google. Bora lá? Boa leitura!

1. Capriche no SEO

Levando em conta que quase ninguém acessa os resultados que ficam mais para baixo ou fora da primeira página do Google, uma estratégia como essa é valiosíssima para o seu negócio.

Isso porque, ao listar os resultados de uma busca, o Google não considera quão grande ou importante é uma determinada empresa. Na verdade, ele leva em consideração um conjunto de regras específicas e o SEO (ou Search Engine Optimization) é a estratégia de aplicação dessas regras no seu site, permitindo que se destaque nas primeiras posições das buscas orgânicas — aquelas que aparecem sem que a empresa tenha pagado por isso.

De 0 a 50 mil visitas por mês: a Orgânica no topo do Google

Ou seja: ao aplicar SEO, você utilizará palavras-chave, links amigáveis, além de outras características valorizadas pelo Google, que vão deixar o site preparado para aparecer bem nos resultados. E esse é um trabalho que você pode fazer sem precisar pagar nada! Entenda melhor a seguir:

Case da Famiglia Valduga

Nós somos especialistas na estratégia de SEO e, sem dúvida, um dos nossos maiores cases de sucesso é o da Famiglia Valduga. Com a produção de conteúdos relevantes e a otimização deles, os resultados só melhoraram depois de anos!

Crescimento de tráfego - Famiglia Valduga
De 500 para 293.000 visitantes por mês

Aliás, esse é o grande ponto positivo dessa estratégia: se bem feita, os resultados só melhoram a longo prazo, tornando-se um ativo para a marca. A Famiglia Valduga entendeu a importância disso e, abaixo, está outra amostra dos resultados alcançados:

Crescimento e custo de tráfego - Famiglia Valduga
Custo mensal do tráfego

Hoje, o tráfego atraído organicamente custaria mais de 300 mil reais (todos os meses) caso fosse necessário investir em anúncios para atrair a mesma quantidade de visitantes. Vale a pena acreditar no SEO, não é?! Então conheça todos os detalhes do case da Famiglia Valduga acessando o banner:

Como um império de conteúdo aumentou 1783% as vendas

2. Invista na produção de bons conteúdos

Como já podemos perceber, um ponto que é muito valorizado pelo Google são os bons conteúdos. Sites que possuem textos de qualidade mantêm os visitantes neles por mais tempo e o buscador está de olho nisso.

Então se um visitante entra no seu site e logo sai, isso colabora para que tenha um desempenho pior. Porém, se você produz textos otimizados para SEO, autorais e que realmente interessam ao público-alvo, seu posicionamento nos resultados tende a ser melhor.

Quer conferir outras vantagens do Marketing de Conteúdo? Assista o vídeo abaixo:

Case da M.Pollo

Conteúdo é o que move as pessoas! A M. Pollo entendeu isso e contou com a nossa ajuda para gerar resultados por meio da criação de conteúdos de qualidade.

Durante o projeto, o site e o blog da marca tiveram um aumento de 128,67% nas sessões, sem contar também o aumento de 134,98% em novos usuários. Veja o depoimento do André Ribeiro, gerente nacional de vendas da M. Pollo:

Quer transformar sua empresa em nosso próximo case de sucesso? Clique aqui!

Investir na criação de conteúdo de qualidade pode trazer resultados incríveis para o seu negócio, fazendo com que ele se destaque no mercado.

O responsável pelo aumento de vendas, então, é o relacionamento com o cliente, que começa a enxergar a sua marca como uma autoridade. Além disso, ele a enxerga como uma empresa que não está interessada em vender a qualquer custo, mas que se importa com a sua satisfação.

Dessa forma, sempre que tiver uma dúvida acerca de um produto ou serviço, o cliente busca a orientação da sua marca, pois foi criada uma relação de confiança. Ele também passa a indicar para seus conhecidos, tornando-se um cliente promotor. Que tal?

Livro digital Marketing de Conteúdo: Os Segredos para Atrair, Engajar e Transformar sua Audiência em Clientes!

3. Utilize links patrocinados

O Google Ads é o serviço de links patrocinados (anúncios) do Google. Investir nele permite que o site da sua empresa apareça na primeira página de resultados de forma rápida. Porém, isso tem um custo.

O segredo aqui é investir nas palavras-chave certas para que possam atingir seu público-alvo e, assim, você só pagará pelas aquisições ou cliques que, de fato, receber, aumentando a garantia dos resultados. Para entender melhor como funciona o Google Ads, confira o vídeo:

Viu como essa estratégia é indicada para gerar resultados no curto prazo? Se é isso que você deseja, clique aqui para que um dos nossos melhores consultores explique como podemos ajudar você!

Dica: Google AdWords: como ele funciona?

4. Conquiste links de qualidade (link building)

A prática de link building é importantíssima porque o Google entende que, quanto mais sites “indicarem” o seu através de links, maior é a sua autoridade sobre determinado assunto.

Essa é uma estratégia que pode ser um pouco complicada, já que não é fácil encontrar empresas que estejam dispostas a indicar o seu site por pura vontade. O primeiro passo para conquistar links em outros sites, então, é criar conteúdos incríveis, que mereçam ser citados!

Também há as parcerias de guest posts, que são, basicamente, publicar textos (com links para o seu site) em outros sites e vice-versa. Se você quiser pagar por um link, isso também é possível.

Porém, nem toda indicação é igual: sites maiores e mais confiáveis, de empresas como a Forbes e a Exame, têm um valor muito maior do que blogs comuns, que ainda recebem poucas visitas, por exemplo.

5. Utilize o Search Console

O Search Console auxilia na otimização e no monitoramento do desempenho de um site nos resultados do Google, ajudando a verificar as páginas indexadas, quais palavras-chave usar, a existência de links e assim por diante. Também é uma ótima ferramenta para acompanhar os impactos trazidos por mudanças nos algoritmos.

Em outras palavras, é possível fazer uma série de verificações que ajudam a identificar se o site está seguindo todas as regras determinadas pelo Google, o que potencializa a capacidade de ele aparecer sempre nas primeiras posições.

Aqui na Orgânica, nós usamos muito o Search Console! Confira abaixo um exemplo de análise comparativa:

Melhorar posicionamento no Google usando o Search Console

Dica: Aprenda a pesquisar palavras-chave!

6. Coloque sua empresa no Google Maps

Há uma ferramenta que você pode usar para que a sua empresa apareça em destaque nos resultados das buscas: o Google Meu Negócio. Ele permite fazer um cadastro com horários de funcionamento, fotos e endereço no Google Maps.

Isso relaciona a empresa à localização, ajudando nas buscas locais, de pessoas que se encontram na sua região de atuação. Além de, é claro, permitir que os clientes conheçam um pouco sobre ela antes mesmo de chegar ao local. Interessante, né?

Outro ponto curioso é que a sua empresa também aparece no GPS de todos os motoristas que utilizam o Google para navegação, sendo mais uma forma de se tornar visível aos clientes.

Masterclass: Técnicas de indexação para acelerar os resultados do seu Marketing de Conteúdo

7. Tenha um layout responsivo

Com o avanço das tecnologias mobile e o uso crescente dos dispositivos móveis para a realização de pesquisas na Internet, o Google tem dado prioridade a sites que tenham um layout responsivo.

Responsividade” é a capacidade de adequação às diferentes telas. Disparado como um dos dispositivos mais utilizados para a navegação, estão os smartphones, que demandam conteúdos pensados para telas menores. Por isso, caso você ainda não tenha feito, invista na responsividade e na experiência do usuário.

Case da Philips

Nós sabemos da importância de proporcionar uma boa experiência para o usuário, e a Philips acreditou no nosso trabalho para a criação de um ambiente digital integrado com a estratégia de marketing! Participamos da Promoção: Palpite Campeão, válida para a da Copa de 2010. Confira como ficou a estrutura:

Criação de sites responsivos

Quer construir um ambiente digital responsivo? Clique aqui para entender como podemos ajudar!

Dica: 4 razões para sua empresa ter um site responsivo

8. Proteja os dados dos usuários

Por último, mas não menos importante: a segurança é outro aspecto importante de ranqueamento do Google. Para verificar isso, o buscador analisa se as suas páginas estão protegidas com um certificado SSL.

Ele criptografa as informações inseridas pelos usuários e oferece mais proteção à navegação e uso de dados. Inclusive, o próprio Chrome, navegador oficial do Google, avisa ao usuário que um site não é seguro se ele não tiver esse certificado instalado, o que pode ser negativo para as conversões.

Isso significa que, caso você trabalhe com vendas no seu site, a falta de segurança terá um impacto direto sobre a decisão de compra do cliente, que não se sentirá confiante para fechar negócio.

E aí, preparado para colocar tudo isso em prática e aparecer no Google? Espero que sim! Se você quiser receber mais dicas como essas, assine nossa newsletter!
 

Você quer Aumentar suas Vendas através do Marketing Digital?

Receba gratuitamente um Diagnóstico de Marketing Digital + Consultoria da Orgânica personalizada para o seu negócio!

Ganhe agora Diagnóstico + Consultoria

Quer uma consultoria gratuita de marketing digital?




Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!