Por   

 22/10/2019 
 

Profissional com mais de 12 anos de experiência, responsável pelas estratégias de marketing dos clientes da Orgânica.

Um bom posicionamento nos mecanismos de busca pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso das suas estratégias de marketing digital. Para se ter uma ideia, são mais de 100 bilhões de pesquisas realizadas mensalmente somente no Google.

Mas como fazer para ranquear bem nas plataformas de pesquisas? Não se desespere! Nesse artigo, você compreenderá o conceito de palavra-chave e descobrirá o que é SEO!

O que é SEO?

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, que, em português, significa Otimização para Mecanismos de Buscas.

O que é Seo

Trata-se de um conjunto de técnicas que tem como objetivo posicionar uma ou mais páginas de destino nos melhores resultados dos motores de pesquisa.

Em termos práticos, é como pedir um Uber: você precisa ligar o GPS do seu celular para que o seu motorista te encontre. Com o SEO também é assim: você precisa fazer melhorias no conteúdo da sua página para que ela possa ser encontrada com maior facilidade. 

Dica: 9 dicas para fazer sua empresa aparecer no Google

O que é o Índice de Qualidade?

Há ampla concorrência na web, o que dificulta o ranqueamento das páginas nesses resultados de busca. Para isso, foram criados complexos algorítmos que ranqueiam pela relevância.

Com esse cálculo, é possível definir o Índice de Qualidade (IQ), que leva em consideração uma série de fatores de posicionamento.

Quais são os Fatores de Posicionamento do SEO?

São muitos os fatores que contribuem para a definição do Índice de Qualidade. Eles possuem diferentes pesos e uma boa campanha de SEO deve levar em consideração cada um deles.

Aprenda agora mesmo o passo a passo para fazer seu próprio plano de marketing digital! Clique no banner!
 

Como fazer um plano de marketing digital na sua empresa

 

Confira abaixo alguns elementos que influenciam no posicionamento das páginas:

  • Tráfego;
  • Referências em outros sites (backlinks);
  • Autoridade de domínio;
  • Performance da página (velocidade de carregamento, navegação etc.);
  • Engajamento;
  • Sinais sociais;
  • Qualidade do conteúdo.

O que é uma palavra-chave?

Um dos fatores mais importantes para um bom posicionamento nos motores de pesquisa, como Google, Yahoo e Bing, é a escolha correta da palavra-chave. Em resumo, é o termo de busca que o usuário pesquisa para alcançar uma página. Por exemplo, alguém que precisa comprar um tênis de corrida poderá pesquisar pelo termo "melhor tênis para correr".

Dica: Conheça as 11 melhores ferramentas de palavras-chave!

Por isso, é muito importante fazer pesquisas de palavra-chave para encontrar os termos que são relevantes para o seu público-alvo. Uma boa maneira de se fazer isso é utilizar o Planejador de Palavras-Chave do Google ou o SEMrush.

Usando o exemplo de tênis de corrida, usamos as duas ferramentas citadas acima para entender o comportamento de pesquisa relacionado ao termo. Confira:

Usando o SEMrush para pesquisar palavras-chave

Ao pesquisar o termo "tênis de corrida" encontramos diversas variações. É possível ordenar por volume de buscas mensais, índice de dificuldade da palavra-chave (KD), custo por clique (CPC), nível de concorrência entre anunciantes (Con) e os recursos SERP (Página de resultados do mecanismo de pesquisa relacionados ao termo).

Do lado esquerdo podemos filtrar as palavras-chave, especificando por exemplo determinada marca ou o tipo de solado.

SEMRush
 

Usando o Planejador de palavras-chave do Google Ads

Agora pesquisando pelo termo "tênis de corrida" no Planejador de palavras-chave do Google Ads, nos deparamos com um dashboard um pouco diferente.

Deixando a parte visual de lado, os comandos são praticamente os mesmos que o SEMrush: é possível ordenar por média de pesquisas mensais, concorrência e os valores de lances para anúncios ligados à palavra-chave pesquisada.

Planejador de palavras-chave do Google Ads

Levando em conta as duas ferramentas usadas para a consulta do termo, a principal diferença foi em relação ao número de palavras-chave relacionadas: o Planejador de palavras-chave do Google Ads apresentou uma maior quantidade de palavras relacionadas e também com maiores buscas mensais.

Dica: Por que o Marketing Digital é fundamental para sua empresa?

Seja qual for a ferramenta que você use, basta contar com os recursos para filtrar e ordenar até encontrar a palavra-chave ideal para usar!

- Mas qual é a palavra-chave ideal para o meu negócio?

- Depende do objetivo da sua empresa. Você pode decidir disputar posições levando em conta a concorrência (mais fácil de ganhar posições), ou pelo volume de buscas (maior potencial de público a ser alcançado). 

O que é cauda longa?

Termos de busca muito curtos como “celular” ou “geladeira” possuem grande concorrência para ranqueamento. Por isso, foi criado o conceito de cauda longa, que visa utilizar palavras-chave mais extensas e específicas para posicionar nos mecanismos de buscas. Por exemplo, “celular à prova d’água” ou “geladeira para minibar”.

Ainda usando o exemplo de tênis de corrida, podemos ver na imagem abaixo que o termo "tenis supinado" oferece uma boa oportunidade. Afinal, é um tênis voltado para um tipo de pisada específico. Confira na imagem:

Palavras-chave de cauda longa

Portanto, se você quer vender um tênis feito para quem tem uma pisada supinada, é mais fácil e barato alcançar potenciais clientes posicionando sua página para a palavra-chave "tênis supinado". Vai dizer, muito melhor concorrer com um termo específico com 590 buscas mensais do que com um termo generalista com 9.900 buscas mensais. Não é mesmo?

Otimize seus investimentos sabendo exatamente quanto você pagou por cada cliente! Clique no banner e conheça a planilha que faz o cálculo por você!
 

Planilha Calculadora de CAC


A propósito, a cauda longa é extremamente recomendada para pequenas e médias empresas que não possuem capacidade de investimentos em mídia paga, já que abre diversas opções por meio de palavras-chave de menor competitividade.

O que fazer depois de escolher a palavra-chave?

Com o termo correto "em mãos", você pode escolher entre diferentes estratégias para explorá-lo. Confira algumas opções abaixo!

  • Página de produto: você pode fazer a otimização dos conteúdos da página de um produto aplicando a palavra-chave escolhida;
  • Anúncio em links patrocinados: você pode criar anúncios que serão veiculados quando os usuários pesquisarem pela palavra-chave que você escolheu;
  • Criar conteúdo: outra estratégia possível é investir em conteúdos que abordem um tema relacionada à palavra-chave. Ainda com o exemplo do tênis, pode ser criado um blog post chamado "Tudo o que você precisa saber sobre o tênis supinado", de maneira que seja possível despertar o interesse do leitor sobre seus produtos.

Dica: Inbound Marketing: 11 dicas para que sua empresa venda 600% mais

Mas atenção: não pense que fazer uma ou outra estratégia isolada irá trazer resultados. É necessário ter um planejamento para que todas as ações estejam interligadas e os resultados mais assertivos!

Qual a diferença entre SEM e SEO?

O Search Engine Marketing engloba todas as técnicas de marketing voltadas para mecanismos de busca. Ou seja, inclui também os links patrocinados, como o Google AdWords e o Bing Ads. A grande diferença entre eles é que, enquanto o SEO é voltado ao alcance do usuário organicamente (de maneira gratuita), o SEM é baseado na mídia paga.

Chega de ter resultados e não entender como eles aconteceram! Clique no banner e aprenda a mensurá-los!
 

Aprenda a mensurar e otimizar os canais de marketing digital


Agora, você já sabe o conceito básico de palavra-chave e o que é SEO! Está pronto para implementá-las em suas estratégias digitais? Continue lendo sobre o assunto nos textos abaixo!



Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!