O que o livro "O Monge e o Executivo" pode ensinar sobre branding?


O que o livro "O Monge e o Executivo" pode ensinar sobre branding?

Olá! Tudo bem? Aqui é o Iury, e hoje vim te dar uma dica de leitura

Você com certeza já ouviu falar no livro "O Monge e o Executivo" e de suas várias lições para o mundo dos negócios e vida pessoal. Ao longo de toda sua narrativa, o autor, James C. Hunter, orienta sobre as principais características dos verdadeiros líderes.

É possível retirar da leitura desse clássico valiosos ensinamentos para seu crescimento, seja ele pessoal ou profissional, tendo a liderança como essência.

Se você deseja que sua marca seja líder de mercado, continue a leitura e veja como as instruções desse best-seller podem te ajudar!

Liderança e branding

Como tornar o ato de liderar uma ação mais leve e eficaz? É preciso alinhar seus liderados a um mesmo propósito, a um mesmo destino ou a uma mesma meta, e, a partir desse ponto, traçar o caminho que deverão seguir. Não será uma tarefa fácil, porém, a chegada será gratificante.

As marcas líderes conseguem engajar seu público-alvo em um mesmo objetivo, há uma identificação pessoal entre persona e marca que faz com que aquela empresa seja a escolhida entre as tantas outras.

Dica: Planejamento de marketing de conteúdo: 9 dicas para criar o seu

Para alcançar esse objetivo, investir no branding — gestão da marca — se tornará o caminho mais direto, traçando, de forma estratégica, todas as ações para a construção da marca da empresa no mercado, alinhando seus principais valores à mensagem que você quer passar.

Podemos retirar do livro "O Monge e o Executivo" algumas lições sobre branding. São elas:

Influência

O livro diz que liderança é a habilidade de influenciar as pessoas que buscam um propósito em comum. É gerar motivação para que elas tomem as ações necessárias para atingir o objetivo. Porém, para ser influente, é preciso servir primeiro. Por isso, esteja sempre disponível e escute seus funcionários e clientes.

Para a marca que deseja se tornar líder de mercado, é fundamental que seus valores e os do seu público estejam alinhados. Com isso, haverá uma maior identificação do comprador com o produto ou serviço final.

Relacionamento

Sem pessoas, não há negócios, não há mercado. Lidere construindo e solidificando os relacionamentos com sua equipe e com o seu público.

Passe credibilidade e tenha respeito pelos seus consumidores, escute suas necessidades e suas queixas e preste um bom atendimento durante todo o ciclo de vida do produto (concepção, venda e pós-venda).

Fazendo isso, sua marca terá um diferencial muito positivo. Com o retorno do público, você conseguirá ver em que pontos está errando e acertando no seu negócio.

Para promover ainda mais melhores para a sua empresa, que tal aumentar as vendas? No banner abaixo, confira um passo a passo gratuito!

600% em aumento de vendas

Poder versus autoridade

Ter o poder não significa que você tem o respeito das pessoas. Poder está mais ligado à sua posição do que à influência que você realmente exerce nas pessoas. Uma grande marca pode ter uma posição muito forte no mercado, mas não consegue cativar o cliente a longo prazo.

Ter autoridade é ter apreço, é conseguir influenciar, é enxergar as pessoas por trás do consumidor final. É preciso amar seus clientes e respeitá-los para que eles o vejam como o diferencial do mercado. Para isso, o comportamento e as atitudes da sua marca deverão ser condizentes com o seu público.

Dica: Você sabe mesmo qual é o diferencial competitivo da sua empresa?

Para tanto, tenha suas ações focadas nos seus valores e nos valores do seu negócio — dê o exemplo!

O livro 'O Monge e o Executivo" tem muito a nos ensinar sobre branding. Por meio de sua leitura, é possível retirar aprendizados únicos e de fácil aplicabilidade. Gerenciar a marca de uma empresa é mais que simplesmente traçar as ações necessárias para isso, é preciso também considerar os sentimentos que levarão o consumidor a ver seu negócio como uma marca de excelência.

Gostou deste nosso post? Então deixe um comentário neste texto para que possamos saber sua opinião e suas ideias sobre o assunto!




Por
09/04/2019

O que me motiva é conectar marcas e clientes por meio de estratégias de marketing digital. Também estou no Linked In.


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!