Inbound Marketing no YouTube: como fazer?


Guilherme de Bortoli

Por   

 03/05/2022 

Com 19 anos de experiência, é especialista em estratégias digitais, do marketing ao software.

Imagina poder entrar na cabeça dos seus clientes em potencial e descobrir:

  • Que tipo de dúvida eles têm?
  • Quais problemas enfrentam?
  • Para onde querem ir?

Como o segundo mecanismo de busca mais usado no mundo, o YouTube se tornou um “confessionário digital”, onde as pessoas pesquisam soluções para dúvidas ou problemas que não se sentem confortáveis de dividir com mais ninguém (nem com os próprios conhecidos).

Montar uma estratégia de Inbound Marketing que aproveite oportunidades como essa se tornou um dos melhores jeitos de fazer sua empresa ser encontrada — e de vender para quem interessa!

Então, o que você está esperando? Continue aqui comigo para entender como fazer Inbound Marketing no YouTube e aproveitar o que ele tem de melhor!

O manual definitivo do Inbound Marketing

O que é Inbound Marketing?

Também chamado de "Novo Marketing", Inbound Marketing é uma metodologia em que uma empresa começa disponibilizando conteúdos valiosos nos mais variados canais de Marketing Digital, como blogs, redes sociais e, até mesmo, no YouTube.

Ou seja: em vez de gastar recursos (ou esgotar a paciência dos outros) empurrando vendas superficiais em momentos inoportunos, o Inbound Marketing oferece “iscas” e investe em uma comunicação personalizada a partir da permissão para falar diretamente com as pessoas atraídas.

Uma vez que essas pessoas se tornam leads ao também consumir o que chamamos de materiais ricos, surge, então, a oportunidade de construir um relacionamento de confiança entre a empresa e esses potenciais clientes.

Observando as interações dos leads nesse relacionamento, é possível segmentar grupos de leads (com gostos e comportamentos diferentes) para indicar quais são aqueles que estão mais perto de comprar, e quais são os que ainda precisam ser nutridos antes de receber uma proposta comercial.

Depois da compra, o Inbound Marketing ainda possibilita encantar ainda mais o cliente, até a empresa alcançar a fidelização dele. Parece ótimo, não é?

Dica: Leads: o que são, como gerá-los e nutri-los?

Por que fazer Inbound Marketing no YouTube?

Atrás apenas do Google, o YouTube é hoje o segundo mecanismo de busca mais acessado na Internet — resultando em bilhões de visualizações por dia!

Fazer Inbound Marketing no YouTube é uma estratégia fantástica não só para colocar sua empresa no radar do seu público-alvo, mas também para guiar cada novo lead por toda a jornada de compra através dos próprios vídeos no canal da marca.

Sem falar que 70% da audiência no YouTube consome vídeos pelo celular, o que amplia ainda mais as oportunidades de estreitar um relacionamento com o público para oferecer exatamente o que ele busca — na hora em que ele mais precisa.

Mas, para que toda essa audiência se converta em números positivos nas vendas da sua empresa, é fundamental que a criação de vídeos se torne um complemento para diversificar os tipos de conteúdo e materiais ricos que a sua empresa oferece.

Como fazer Inbound Marketing no YouTube?

Defina a sua persona

Personas são os perfis dos clientes ideais para o seu negócio. Quanto mais específico você for, maiores serão suas chances de criar campanhas de altíssima conversão.

Subestimar essa etapa é um dos principais erros cometidos por empresas inexperientes, que acabam desaparecendo em um oceano de conteúdos repetitivos e irrelevantes. Por isso, se você quiser que a sua empresa realmente se destaque e não produza conteúdos do tipo “mais do mesmo", elaborar um planejamento estratégico para a definição da persona é indispensável!

Falar com o público certo — do jeito certo — é a base da pirâmide em uma estratégia de Inbound Marketing, e isso não é diferente no YouTube.

Jornada de compra: Guia completo para criar a da sua buyer persona

Explore o Marketing de Conteúdo

Quando você define suas personas, você tem um mapa do que pode dar certo para atrair a atenção e também, nutrir a confiança do seu público.

Pense em quais palavras-chave suas personas usariam para encontrar respostas nas buscas. A partir dessas palavras-chave, considere também em qual micro-momento essas personas se encontram.

É importante saber se, ao realizar uma pesquisa no YouTube, essas personas querem:

  • Sanar uma curiosidade? (Por exemplo, "O que é Marketing Digital?")
  • Encontrar instruções para chegar em algum lugar? ("Como chegar na Orgânica Digital?")
  • Seguir um passo a passo para aprender algo novo? ("Receita fácil de bolo de cenoura.")
  • Avaliar os prós e contras de um produto antes de comprar? ("Qual o melhor celular em 2022?")

Considere também:

  • Qual imagem e frase na miniatura do seu vídeo (thumbnail) teria mais chances de fazer o público clicar no seu conteúdo?
  • Que dinâmica narrativa faria ele assistir seu vídeo até o final?
  • Que gatilho emocional faria atender às suas chamadas para ação (CTAs)?

Lembre-se que o YouTube não serve apenas para entretenimento: ele é um mecanismo de busca. Por isso, também aplique SEO nos títulos, nas descrições e nas tags para melhorar a posição dos seus conteúdos nos resultados das pesquisas.

Dica: [PERGUNTA] O que é SEO e para que serve?

Promova palestras e aulas ao vivo

Oferecer aulas ao vivo, palestras e eventos online não só contribui bastante com o engajamento, como também é um ótimo jeito de converter inscritos em leads, testar a viabilidade de um produto e refinar a linguagem usada com suas personas.

Inclusive, o vídeo abaixo é um exemplo de aula ao vivo no YouTube que eu dei alguns anos atrás e que, até hoje, está gerando leads para a Orgânica sem que precisemos fazer mais nada!

Além disso, dá para reutilizar e reciclar o conteúdo de um vídeo em outros canais ou formatos de conteúdo, como textos para blog, publicações nas redes sociais, e-books, podcasts…

Direcione a audiência para uma landing page

Não basta só ter visualizações e transformar visitantes curiosos em inscritos do canal. Certo?

O que você também pode fazer, então, é investir na criação de uma landing page com um incentivo exclusivo, como um conteúdo mais aprofundado (que pode ser em vídeo), na qual você disponibiliza um formulário onde os interessados poderão deixar o nome e o endereço de e-mail, por exemplo, para terem acesso.

Formulário de Landing page

Otimize seu Inbound Marketing com a Orgânica!

Publicar vídeos no YouTube não é para todos os negócios. Só que, com mais de 50% dos consumidores esperando que as marcas que eles seguem publiquem vídeos na Internet, essa investida pode ser o que falta para você alcançar resultados melhores.

O mais interessante ao usar o YouTube no Inbound Marketing é aproveitar o que ele faz de melhor: servir como uma fonte de tráfego vitalícia, que distribui seus conteúdos de graça e atrai o público certo, para depois você convertê-lo em leads em uma estratégia totalmente controlada.Solicite o diagnóstico de Marketing Digital gratuito da Orgânica. Nós vamos mostrar a você o que pode ser feito para converter visitantes em mais clientes da sua empresa!

Atendimento comercial da Orgânica



Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!